fbpx
Pular para o conteúdo
Início » Como cuidar da saúde mental no trabalho: 6 passos simples

Como cuidar da saúde mental no trabalho: 6 passos simples

Conheça passos simples para cuidar da saúde mental no trabalho e evitar ser afetado negativamente por problemas que atrapalhem a evolução da sua carreira.

Nos dias atuais, é muito comum ver pessoas buscando como cuidar da saúde mental no trabalho, afinal, com um mundo tão dinâmico e conectado, muitos trabalhadores acabam sofrendo com a pressão por metas e cumprimento de objetivos em suas profissões.

Pesquisas recentes mostram que o Brasil é o segundo maior país com maior índice de Síndrome de Burnout no mundo. Desse modo, vemos que o esgotamento mental causado pelo trabalho é uma condição séria e precisa ser tratada por profissionais.

Portanto, é preciso achar meios eficientes para cuidar da saúde mental no trabalho. E é justamente por esse motivo que preparamos um conteúdo com 6 passos simples, e eficientes, para te ajudar nessa batalha constante.

Quer saber mais? Continue lendo até o final. Boa leitura!

O que é a Síndrome de Burnout?

A Síndrome de Burnout é o resultado de um estresse crônico e que não foi bem administrado, originado por uma rotina intensa e estressante de trabalho. Ao atingir o ápice do esgotamento mental, o profissional não consegue desempenhar suas tarefas com a mesma qualidade, o que resulta em uma série de consequências para sua carreira e vida pessoal.

E os sintomas do Burnout são bem evidentes. Então, esses sinais são comuns na sua jornada de trabalho, fique atento:

  • Diminuição da produtividade no trabalho;
  • Esgotamento de energia;
  • Sensações de exaustão;
  • Sentimentos negativos em relação ao trabalho;
  • Distúrbios do sono;
  • Irritabilidade;
  • Falhas na memória;
  • Depressão;
  • Falta de apetite;
  • Baixa autoestima;
  • Dores de cabeça constantes;
  • Isolamento social;
  • Dificuldade de concentração.

Assim, com a síndrome presente, o profissional precisa se afastar da rotina de trabalho. Até o momento, essa é a única maneira realmente eficiente para resolver o esgotamento que aflige a pessoa no dia a dia. Inclusive, é neste momento que muitas pessoas resolvem mudar de carreira, visto que somente férias ou dias de folga não são suficientes.

Portanto, como a cura da Síndrome de Burnout é complexa, o melhor a fazer é evitar que a condição apareça.

Como cuidar da saúde mental no trabalho em 6 passos simples

Agora que você entendeu o que é a Síndrome de Burnout e como ela realmente pode ser perigosa no dia a dia, é hora de conhecer alguns passos simples de implementar para diminuir as chances desse problema aparecer.

Ainda que simples, eles vão exigir consistência no processo de como cuidar da saúde mental. Então, coloque as dicas em prática e se mantenha constante no processo:

1. Pratique exercícios físicos

Praticar exercícios físicos é uma ótima saída para aliviar o estresse da rotina de trabalho, já que as substâncias liberadas no cérebro após as atividades físicas proporcionam bem-estar e felicidade. Além disso, ajudam a prevenir a obesidade e reduzir o nível de açúcar no sangue — o que também é um excelente benefício.

Então, a recomendação é praticar exercícios físicos por 30 minutos e, pelo menos, 3 dias na semana. Aproveite!

2. Cuide da alimentação

Sabemos como a alimentação pode ser um assunto complicado nos dias mais estressantes de trabalho. Após chegar em casa, é comum querermos uma recompensa pelo dia ruim, o que normalmente acaba resultando em um fast food ou em alguma outra comida não tão saudável.

No entanto, é importante controlar a ansiedade pela recompensa rápida para aproveitar as vitaminas, minerais e outras substâncias que ajudam o corpo a funcionar bem. Se você gosta de cozinhar, por exemplo, utilize o momento para relaxar e preparar algo saudável.

Se não é o caso, limite a quantidade de fast food da semana e guarde essa “refeição especial” para o sábado ou domingo.

3. Não leve trabalho para casa

Com tantos meios de comunicação nos dias atuais, é uma prática comum continuar conectado com sua profissão no conforto do lar. E-mails, WhatsApp e Redes Sociais não nos permitem desligar e acabamos ficando no “modo trabalho” durante o dia todo.

E isso, a longo prazo, causa o esgotamento mental que falamos anteriormente, pois não permite que o cérebro descanse. Portanto, ao chegar em casa, limite o uso do celular e foque em atividades que restaurem a sua energia para o próximo dia.

4. Cuide do bem-estar mental

Práticas deliberadas de meditação são ótimas para aqueles que querem saber como cuidar da saúde mental no trabalho. O mindfulness, por exemplo, ajuda a criar uma conexão entre corpo, mente e ambiente externo. Assim, o autoconhecimento ajuda na redução do estresse e, por consequência, fortalece a resistência mental durante o trabalho.

E para te ajudar nesse processo de praticar o mindfulness, separamos um vídeo com dicas simples para iniciar e se manter firme no processo:

Fonte: Canal Marjorie Carvalho

5. Fale sobre o assunto

Não tem jeito. Quem busca saber como cuidar da saúde mental no trabalho precisa falar abertamente sobre o assunto, seja no próprio ambiente profissional e também fora dele. Rodas de discussão, conversas com profissionais de RH e o próprio autoconhecimento vão te ajudar a reconhecer — e eliminar — os problemas do trabalho.

Assumir um problema — ou o início dele — é um excelente primeiro passo para acabar com o esgotamento mental pelas cobranças diárias. Com isso, você poderá buscar outros meios para evoluir sua mente e se tornar mais resiliente no exercício da função.

6. Planeje sua rotina de trabalho

Uma rotina organizada também é essencial para aqueles que buscam meios de como cuidar da saúde mental no trabalho. Planejar as tarefas da semana, se preparar para reuniões e apresentações e controlar a ansiedade dessas situações vai contribuir muito para sua qualidade de vida.

Portanto, tente controlar mais a sua rotina para que os imprevistos não afetem tanto a sua saúde mental. Esse também é uma ação importante para quem deseja mais equilíbrio no trabalho.

Agora que você aprendeu como cuidar da saúde mental no trabalho…

É hora de colocar as sugestões em prática. Então, siga à risca as dicas que trouxemos ao longo desse conteúdo, pois certamente seus efeitos são benéficos em longo prazo.

Lembre-se que o cuidado com a saúde mental vai proporcionar mais produtividade no trabalho, o que também dará mais condições para que sua evolução profissional aconteça e, por consequência, seus objetivos e metas de carreira.

Desse modo, é importante investir no bem-estar da mente para que sua jornada profissional não seja atrapalhada por uma condição que afeta tantos trabalhadores brasileiros. Então, coloque as dicas que sugerimos em prática e evite que a Síndrome de Burnout seja uma triste realidade na sua vida.