fbpx
Pular para o conteúdo
Início » Atenção primária à saúde: entenda tudo sobre o assunto

Atenção primária à saúde: entenda tudo sobre o assunto

Quando falamos em saúde, a frase “prevenir é melhor que remediar” é um verdadeiro lema. Entenda agora como ela funciona na prática através do que conhecemos como atenção primária à saúde. 

Passando por diversas mudanças desde sua criação, em 1978, pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a atenção primária à saúde pode ser definida basicamente como um sistema médico que procura atender às necessidades da população.

Um sistema é focado em um atendimento humanizado focado na prevenção de doenças, e não apenas em seu tratamento.  

Visando trabalhar da melhor forma a igualdade e a solidariedade social, a atenção primária à saúde se estrutura para que todos possam aproveitar de um acesso à saúde pleno e sem distinção.

Para que tal sistema de saúde funcione, no entanto, é preciso que após um atendimento equitativo e eficiente, cria-se um ambiente em que é possível acompanhar de perto o progresso feito no tratamento dos pacientes, gerando cada vez mais melhorias e avanços. 

Abaixo, vamos falar um pouco mais sobre esse assunto tão relevante para a saúde da população brasileira em geral. Confira! 

O que é atenção primária à saúde?

Como falamos, quando se trata de atenção primária à saúde (APS), pode-se dizer que é o tratamento do indivíduo, e não só de doenças e possíveis condições fisiológicas. 

No Brasil, por exemplo, existem diversos programas voltados para a vacinação da população, planejamento e acompanhamento familiar, assim como acompanhamento de doenças crônicas e agudas, que fazem parte do que chamamos de APS.

Também não podemos esquecer do acesso à medicamentos que, muitas vezes, são inacessíveis economicamente e que complementam os usuários do Sistema Único de Saúde, o SUS.

Na prática, podemos explicar a atenção primária à saúde como um compromisso firmado com a justiça social para garantir acesso de toda e qualquer pessoa aos melhores recursos para se viver.

Leia também: CenttralMed: sistema de saúde humanizado e feito para cuidar de você

Principais características da atenção primária à saúde

Referência internacional e considerada uma das pesquisadoras mais importantes na área da APS, a pediatra e Mestre em saúde pública Bárbara Starfield apresenta uma divisão entre os cuidados de saúde primários em quatro aspectos:

1. Construir uma porta de entrada

O primeiro contato da medicina com o paciente. 

É importante que a atenção primária da saúde seja o primeiro recurso a ser procurado pela população, e para isso, é necessário que os serviços de APS sejam de fácil acesso, em todos os aspectos possíveis.

2. Estimular a continuidade

O acompanhamento do paciente ao longo de sua vida é essencial para que possíveis novas demandas sejam atendidas de forma rápida e eficaz. 

Manter um vínculo com o serviço pode potencializar os resultados quanto ao atendimento oferecido. 

3. Fortalecer a integralidade

Trata-se da ligação entre os níveis de serviços de saúde: primário, secundário e até mesmo terciário. É a atuação da atenção primária à saúde em conjunto com as demais. 

Neste caso, assumindo o papel mais humanitário do processo de atendimento médico, promovendo visitas domiciliares, reuniões com a comunidade e eventos de conscientização. 

Nesse aspecto, o cuidado com o indivíduo não se limita apenas ao tratamento de doenças e condições do corpo biológico. 

4. Coordenar o cuidado

Aqui a atenção primária se desdobra na coordenação, organização e junção entre os demais níveis do cuidado, evitando possíveis falhas de comunicação entre estes setores.

Leia também: Como preservar a saúde do coração e aumentar a qualidade de vida e bem-estar

Qual a importância da atenção primária à saúde?

Quando se trata da importância da atenção primária à saúde, diversos aspectos devem ser levados em consideração.

Visando implementar melhorias e oferecer inovações para a população, as maiores vantagens da APS que podemos citar são:

  • Alinhamento das demandas da sociedade;
  • Incentivo a busca de atendimento preventivo

Em relação ao alinhamento, ele se dá de forma coesa entre atenção primária à saúde e as demais demandas da sociedade em níveis econômico, demográfico e tecnológico, que impactam de forma direta o bem estar e a saúde da população.

Já, enquanto ao incentivo de atendimento preventivo, a APS estimula o indivíduo a manter o hábito de procurar atendimento médico de forma regular, possibilitando a descoberta de condições fisiológicas e doenças com antecedência.

3 programas voltados para atenção primária à saúde no Brasil

Segundo o Portal da Secretaria de Atenção Primária à Saúde, atualmente existem os seguintes programas e plataformas que impulsionam o atendimento primário à saúde no Brasil:

  • Programa Saúde na Hora:  torna mais viável o custeio aos municípios de todo território brasileiro para extensão dos horários de atendimento das Unidades de Saúde da Família (USF) e Unidades Básicas de Saúde (UBS).
  • Médicos pelo Brasil: programa que visa aumentar a oferta de médicos em lugares de grande vulnerabilidade social e de difícil acesso.
  • Previne Brasil: proposta que tem como princípio a estruturação de um modelo de financiamento focado em aumentar o acesso da população aos serviços da APS. 

Essas são apenas algumas das medidas e projetos relacionados à atenção primária à saúde que temos em vigor no Brasil, mas novos projetos já estão em desenvolvimento para melhorar o acesso à saúde para toda a população brasileira. 

Faça o acompanhamento médico preventivo e evite o aparecimento de doenças 

Um hábito comum entre os brasileiros é procurar o atendimento médico apenas depois que o problema de saúde já está instaurado. Se o controle da saúde fosse realizado de forma preventiva, porém, muitas doenças poderiam ser evitadas ou tratadas ainda na fase inicial.

Portanto, se você também não tem o costume de ir ao médico para fazer manutenção da saúde e realizar check-ups preventivos, é hora de mudar essa realidade. 

Na CenttralMed você pode realizar atendimentos com inúmeros especialistas sem pagar nada a mais por isso, apenas em caso de exames que venham a ser solicitados.

Além disso, assim que você se tornar um conveniado, pode agendar suas consultas e começar tratamentos sem esperar tempo de carência, como acontece com planos de saúde burocráticos. 

Se você quer saber mais sobre a nossa empresa, clique aqui e conheça o programa Consultas do Bem, que garante esses e outros benefícios. Aproveite!