fbpx
Pular para o conteúdo
Início » Entenda o que são feridas emocionais e como curá-las

Entenda o que são feridas emocionais e como curá-las

Veja o que são feridas emocionais, os impactos da dor psicológica em sua vida e como tratá-las para viver mais leve. 

Certamente você já passou por uma experiência que resultou em uma ferida física. Seja o joelho ralado durante a infância ou aquele corte na mão durante o preparo de um alimento. 

Em sua maioria, quando isso acontece, além da dor, logo percebemos a presença do ferimento devido ao sangue ou inchaço. 

Então, logo recorremos a um antisséptico, uma pomada e, quem sabe, um remédio para dor. E, após alguns dias, o machucado cicatriza e se fecha. 

Mas, e quando situações da vida acabam marcando nosso interior? Quando não há sangue para denunciar a presença do machucado? Quando a ferida não é visível? 

Algumas vezes, sentimos dores que, aparentemente, não são explicáveis, mas que também precisam ser tratadas e curadas. Isso é o que chamamos de feridas emocionais

Essas marcas que ficam em nossa alma, assim como as lesões físicas, precisam de cuidados e atenção especial, e é sobre isso que vamos falar agora. Então, se você precisa aprender o que são feridas emocionais e como elas podem ser curadas, continue a leitura. 

O que são feridas emocionais?

As feridas emocionais são ferimentos resultados de situações de conflitos e mágoas que acabam marcando nossa vida profundamente. 

Também podemos chamar as feridas emocionais de dores psíquicas, ocasionadas por vivências dolorosas que impactam quem somos, nossa personalidade e nosso jeito de agir.

Ao longo dos anos, desde a infância, passamos por experiências diversas e únicas, que podem nos afetar de alguma forma, seja breve ou profundamente, causando feridas psicológicas, nesse caso. 

O que causa esse tipo de dor psíquica, que muitos carregam consigo durante toda a existência, porém, não pode ser citado facilmente, pois não há uma regra. Afinal, diferentes pessoas podem passar por uma mesma situação e serem afetadas por elas de formas distintas. 

Alguns sentimos comuns a todos nós, no entanto, podem ser a raiz das dores da alma para algumas pessoas. 

Segundo a escritora Lise Bourbeau, fundadora do maior centro de desenvolvimento pessoal, existem 5 feridas emocionais que grande parte das pessoas carregam consigo desde a infância, que podem resultar em problemas físicos e mentais. São elas: 

  • rejeição,
  • injustiça, 
  • abandono, 
  • humilhação, 
  • traição.

Para Bourbeau, por não saber como lidar com as feridas emocionais e esses sentimentos, acabamos encontrando formas de escondê-las e fingir que elas não existem, ao invés de procurarmos pelo tratamento adequado. 

Com o passar do tempo, porém, as marcas apenas se tornam maiores e mais profundas, e os impactos começam a ser percebidos em todas as áreas da nossa vida, prejudicando a saúde, a relação familiar, os relacionamentos interpessoais, a trajetória profissional, entre outros. 

Leia também: Dicas de controle de ansiedade: atitudes básicas que podem mudar o seu dia a dia

Como as feridas internas podem impactar sua vida?

Agora que você sabe o que são feridas emocionais, pode estar se perguntando quais os impactos que elas podem trazer para sua vida.

Quando não tratadas, as feridas emocionais se tornam cada vez maiores, e os seus efeitos acabam influenciando não apenas alguns aspectos da nossa vida, mas principalmente em traços negativos em nossa personalidade

Segundo a Bourbeau, as feridas do emocional podem prejudicar:

  • saúde física: se apresentando em sintomas físicos, 
  • saúde mental: originando transtornos psicológicos,  
  • relacionamentos interpessoais: dificuldade em manter relações saudáveis com parceiros, amigos e família.

Em alguns casos, por não conseguir lidar com as situações que tendem a se repetir, pessoas feridas emocionalmente se tornam refém das dores psicológicas, e acabam desenvolvendo vícios nocivos e comportamentos autodestrutivos

Como curar uma ferida emocional?

Assim que descobrimos o que são feridas emocionais e quais as suas consequências em nossa vida, o primeiro pensamento é o senso comum de que o tempo cura tudo. Mas isso não poderia estar mais errado. 

A verdade é que não são todas as situações em que o tempo é o melhor antídoto, pois a espera sem o tratamento correto pode resultar no aumento da ferida e em um sofrimento ainda mais profundo.

Por isso, se você deseja amenizar o incômodo das feridas emocionais, o mais indicado é procurar por um acompanhamento psicológico. Afinal, traumas são experiências que marcam a nossa vida, e por mais que uma hora parecem não existir mais, a memória pode, vez ou outra, trazer o sofrimento de volta. 

Assim, para se ver livre das dores emocionais, é necessário que o indivíduo trabalhe na raiz do problema, para ele entender o que causou aquela ferida e como curá-la. 

O processo terapêutico, seja ele individual ou em grupo, pode contribuir na ressignificação das dores emocionais. 

O profissional da saúde mental poderá ajudar a entender e acolher situações traumáticas que deixam marcas na vida do paciente, e ajudará a pessoa a enxergar aquelas experiências de uma nova forma. 

Além disso, outras formas de como curar uma ferida emocional são:

  • autoconhecimento: reconhecer as marcas que possui e como você pode lidar com elas,
  • autocuidado: abraçar seus sentimentos com respeito, colocando-se em primeiro lugar. 

Leia também: O que é mindfulness? Descubra seus benefìcos, como praticá-lo e ter uma vida plena

Deseja curar suas feridas emocionais? Procure um psicólogo

Por mais que alguns processos possam ser realizados individualmente e com muito esforço, algumas feridas emocionais são muito profundas e precisam de ajuda profissional para que a pessoa consiga ressignificar experiências e vivências. 

Portanto, se você está disposto a trabalhar suas questões mais íntimas, a terapia pode ser necessária para entender e aprender a lidar com seus sentimentos e emoções

Você não precisa viver com feridas emocionais por toda vida. Procure um profissional especializado para acompanhar você durante esse processo em busca de uma vida mais feliz e saudável. 

Na CenttralMed, você pode realizar o acompanhamento psicológico com isenção de pagamento de consultas e sem tempo de carência. Conheça o programa Consultas do Bem e comece a usufruir desses benefícios ainda hoje.